Deputado Souza (PHS) RN concede entrevista exclusiva!


O blog entrevistou hoje (23) o Deputado Estadual Manoel Cunha Neto, mais conhecido por Deputado Souza, que falou sobre vários temas ligados a sua gestão.
Perfil do entrevistado:

Souza foi o Deputado reeleito, em 2018, que mais ampliou sua votação, totalizando 31.097 votos. Foi vereador, vice-prefeito duas vezes e prefeito por dois mandatos em Areia Branca, ao longo de mais de 20 anos de vida pública.

Na Assembleia Legislativa preside três Frentes Parlamentares: Defesa da Agricultura Familiar; Defesa de Pesca e Aquicultura e Frente Parlamentar em Defesa de Regularização Fundiária do nosso estado.

Em seu segundo mandato, seu foco preferencial é na defesa da Regionalização da Saúde, fortalecimento das políticas públicas para o setor da Agricultura Familiar, Pesca, Regularização Fundiária e interiorização do desenvolvimento.
HISTÓRIA POLÍTICA

Sua história política iniciou-se em sua cidade natal, Areia Branca, conforme ele mesmo explicou:

“Iniciei como vereador, vice- prefeito por dois mandatos e prefeito por dois mandatos, daí por diante minha vida política se projetou como reflexo para minha região onde a partir desse trabalho desenvolvido em meu município criou-se o projeto para o legislativo estadual levando o nome Souza o nome da Costa Branca”
O MANDATO:

Segundo o nobre Deputado, o mandato lhe fez criar raízes em outras regiões.

“Hoje meu trabalho é reconhecido na região Oeste, Trairi, Mato Grande e Potengi, as ações do nosso mandato fez com que estivesse presente nas principais regiões do RN”

INCENTIVO À ATIVIDADE EMPRESARIAL COMO FONTE DA PRODUÇÃO DE RIQUEZA NO RN

Relatou que “A Assembleia tem sido parceira do governo do estado, da sociedade, no sentido de melhorar a vida do povo potiguar. Todos os projetos do governo do estado, que são encaminhados a essa Casa, do interesse do povo, são aprovados, não temos essa divisão de ser situação ou oposição”

“Foi iniciativa de nosso mandato, por exemplo, o projeto de incentivo à produção de energia eólica escolar. Não existia uma política estadual de eólica escolar. Tenho defendido projetos a partir de suas potencialidades de cada região. Tudo que depender da Assembleia Legislativa, que algumas iniciativas propostas pelo Executivo, independente de serem da situação ou oposição, sempre iremos colocar o RN como bem maior. Nosso propósito é fomentar o desenvolvimento industrial, empresarial, porque isso é que gera empregos e renda para o nosso povo.”

ECONOMIA DO ESTADO: ATRASO DE PAGAMENTO DOS FUNCIONÁRIOS

O Deputado disse que esse, o atraso de pagamentos dos servidores, é um problema muito sério para o estado, que certamente afeta a economia do estado, trazendo sérios problemas para a sociedade.

“O atraso dos salários aumenta a inadimplência das pessoas, afetando a circulação da economia, deixando-a ficar menor, e o governo está com dificuldades; está sem capacidade para investimentos porque tem um atraso que ele precisa vencer, eu entendo que a economia do estado só venha crescer se ele tiver investimentos”

O deputado enfatizou que o governo Fátima não estaria com o salário dos servidores em atraso, que foi originada essa dívida do governo passado, os meses de dezembro, novembro e décimo terceiro salários.

PROJETO COM REAJUSTE DE 16,3% A TODOS OS SERVIDORES NO RN

O Parlamentar explicou que os deputados não podem propor matérias prevendo reajuste salarial, o que é uma prerrogativa do Executivo, porém é a favor a classe trabalhadora do estado.

“Eu não voto contra o servidor, agora eu tenho que ser realista para também não enganar o servidor, não adianta eu dizer ‘nós vamos aprovar essa emenda para todos’ e se a emenda for votada; eu acredito que ela será aprovada, como disse, não voto contra o servidores. Isso pode ser uma expectativa de ganho irreal. Será que o estado terá condições de cumprir com esse aumento para todas as categorias? No cenário atual, obviamente que não, se a folha da gestão passada ainda não foi totalmente cumprida, como irá arcar com mais despesas?

“Eu não estou dizendo que o servidor não está precisando de aumento, estou dizendo que ainda há débitos do governo passado, o servidor está precisando receber seus salários atrasados. Isso é circunstância de fato e de direito.

SITUAÇÃO ECONÔMICA E AS DIFICULDADES FINANCEIRAS NO ESTADO

O Deputado disse que o governo deve conter despesas como, por exemplo, o teto dos gastos; discutir privatizações e recursos do governo federal, que é necessário que o governo tome medidas enérgicas, que não deve levar em conta ideologias partidárias, em virtude da governadora ser de esquerda, e o atual governo federal ser de direita. O mais importante é buscar o bem da coletividade.

” Não se pode demorar muito ao tomar essas medidas, diminuir os gastos, discutir sobre a reforma da previdência, discussões das privatizações devem estar em pauta. A governadora Fátima Bezerra tem uma equipe econômica capacitada para poder equacionar e fazer o dever de casa; tais medidas devem ser tomadas agora para não pagarmos um preço maior no futuro”, concluiu.

# Compartilhar

DEIXE SEU COMENTARIO

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario

0 comentários:

Postar um comentário