Problema em poço afeta abastecimento nos Abolições I e II, Nova Betânia e Santo Antônio

A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) comunica na segunda-feira, 22, que o poço 11, que abastece os bairros Abolição I e II, parte do Santo Antônio e de Nova Betânia, em Mossoró, está paralisado para conserto.

De acordo com o órgão, o mesmo apresentou problema elétrico em conjunto motobomba. A Caern prevê a conclusão do serviço às 22h, desta terça-feira (23). São necessárias 48 horas para normalizar o abastecimento, após a religação do poço.

A companhia informou ainda que está estará remanejando água da adutora Jerônimo Rosado e de outros poços para suprir a demanda destas áreas e que é importante a população fazer uso racional de água neste período.

Ainda de acordo com a Caern, na semana passada, o poço 11 apresentou problema mecânico, foi paralisado e retornou no final da tarde do último sábado (20). Os poços de Mossoró integram um sistema de abastecimento muito específico.

“Eles possuem cerca de mil metros de profundidade e precisam de equipamentos de grande porte para seu  funcionamento. A montagem e desmontagem destes poços é demorada porque envolve operação com guindaste e com bomba que pesa cerca de 1 tonelada”, explica.

A Caern explica ainda que os serviços operacionais seguem rotina padrão, inclusive de reparo, que envolve conjuntos motobombas disponíveis na Caern. “Infelizmente, existem casos que o equipamento apresenta uma falha que não podemos prever”, ressalta Nehilton Barreto, chefe da Unidade de Operação de Manutenção de Água.

O serviço feito pela equipe da Caern tanto pode ocorrer no próprio poço que é a desmontagem de peças que compõem o sistema do mesmo, assim como a montagem. Existem ajustes em equipamentos, que são feitos na área operacional da Caern, no bairro Doze Anos. Nesse local existe suporte operacional para que a equipe possa fazer reparos nos equipamentos de grande porte.
Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.