PF do Rio apreende R$ 3,5 milhões na casa de investigado em fraude nos Correios

A Polícia Federal (PF) iniciou nesta terça-feira (4) a segunda fase da Operação Postal Off, que começou em setembro de 2019 em Santa Catarina e investiga fraudes nos Correios — grandes cargas eram distribuídas sem faturamento ou com faturamento inferior ao devido.

Na casa de um dos suspeitos, na Barra da Tijuca, policiais apreenderam cerca de R$ 3,5 milhões em espécie.

Nesta fase, segundo a PF, foram identificados indícios de participação de um empresário titular de agências franqueadas e de sete funcionários dos Correios, que atuavam auxiliando nas postagens ilegais.

Equipes saíram da Superintendência da PF no Rio, na Praça Mauá, no fim da madrugada, para cumprir seis mandados.
Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.