'SERIAL KILLER LÁZARO ESTÁ VIVO E FORAGIDO' - DIZ POLÍCIA APÓS BOATO DE SUA MORTE

 Polícia desmente boato de morte de serial killer: ‘Vivo e foragido’


A Polícia Civil do Distrito Federal desmentiu os boatos que circulam nas redes sociais de que o serial killer Lázaro Barbosa, autor de uma chacina em Ceilândia, havia sido morto em uma troca de tiros com policiais. O criminoso, que recentemente matou uma família de quatro pessoas e segue em fuga há oito dias, continua vivo e sem paradeiro.

– Lázaro ainda não foi encontrado. Permanece vivo e foragido da polícia. Todos os nossos esforços estão voltados, neste momento, para capturá-lo – disse o delegado-geral da PCDF, Robson Cândido.

A informação também foi confirmada pela Polícia Militar do Distrito Federal.

A caçada a Lázaro conta mais de 200 agentes, entre policiais militares, civis e federais.

A inteligência do governo do DF delimitou as buscas pelo assassino a um região de mata com cerca de 10 quilômetros de extensão, no município de Edilândia, no Entorno do DF. As autoridades alertam que ele está armado e tem facilidade para se esconder em regiões de mata.

– Ele, além de ser um psicopata, é da região. É o que nós chamamos de ‘mateiro’, acostumado a se emburacar no mato. Ele deve ter outra motivação psicótica. Está muito focado em seguir na trajetória criminosa. Mas vamos chegar até ele – afirmou Rodney Miranda, secretário de Segurança Pública de Goiás, estado em que o criminoso também transita.

RASTRO DE TERROR

Durante sua fuga, Lázaro tem espalhado pânico pelo interior de cidades de Brasília e do Goiás. Nesta terça-feira (15), ele fez uma família de três pessoas refém e chegou a trocar tiros com a polícia. Lázaro conseguiu balear uma policial militar e fugir.

As vítimas foram salvas sem ferimentos.
Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.