Prova de vida de aposentados e pensionistas é suspensa até setembro pela pandemia

Os aposentados, pensionistas e anistiados políticos farão o recadastramento anual apenas em setembro. Em razão da pandemia, O Ministério da Economia suspendeu até 30 de setembro o ato, para evitar contaminações pela Covid-19. O prazo, que acabaria no próximo dia 16, foi prorrogado por causa da pandemia.

Assinado pelo Secretário de Gestão e desempenho de pessoal, Wagner Lenhart, a instrução normativa do Ministério da Economia do adiamento foi publicado na última quarta-feira (8) no Diário Oficial da União. Além do recadastramento, as visitas técnicas para comprovação de vida, interrompidas desde março, também continuam suspensas.

A instrução normativa esclarece que a suspensão não prejudica o pagamento dos benefícios aos aposentados, pensionistas e anistiados. A medida é realizada todos os anos no mês de aniversário do beneficiário, a comprovação de vida é exigida para a manutenção do pagamento do benefício. A prova de vida exige o comparecimento do segurado ou de algum representante legal ou voluntário à instituição bancária.

Desde 2019, o procedimento pode ser feito por meio do aplicativo Meu INSS ou pelo site do órgão por beneficiários com mais de 80 anos ou com restrições de mobilidade. 
Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.