Ucrânia afirma que mais de 800 militares russos foram mortos desde o início da invasão

STR / FORÇAS ARMADAS UCRANIANAS / AFP

A vice-ministra da Defesa da Ucrânia, Hanna Maliar, afirmou, na madrugada desta sexta-feira (25), que mais de 800 militares russos foram abatidos durante a tentativa de invasão realizada pelo país vizinho desde esta quinta-feira (24).

Ainda segundo a representante da Defesa, sete aviões militares, seis helicópteros, 30 tanques e 130 veículos blindados de combate também foram destruídos durante os conflitos.

Por outro lado, o primeiro dia de ataque das forças russas à Ucrânia deixou 137 mortos, entre soldados e civis, e 316 feridos. A informação foi passada por Volodmir Zelenski, presidente ucraniano.

R7 

Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.