PREFEITO DE CAMPINA GRANDE DIZ QUE VIVEU PIORES DIAS DA VIDA APÓS VÍDEO DE SOGRA COM COCAÍNA VIRALIZAR

 

Foto: Reprodução

O prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (PSD), se manifestou nesta quarta (9) pela primeira vez sobre o vídeo que viralizou da sogra dele na semana passada. Nas imagens, a mulher aparece usando cocaína em carreiras espalhadas nas nádegas de outra mulher ao som de “Stairway to Heaven”, do Led Zeppelin.  O vídeo foi compartilhado nas redes sociais e aplicativos de mensagem e o assunto repercutiu nacionalmente, tendo sido um dos temas mais comentados nas redes sociais no Brasil no fim da última semana.

Cunha Lima afirmou que ele e a mulher, Juliana Cunha Lima, viveram “alguns dos piores dias” de suas vidas. O político disse que tinha descoberto na semana anterior a notícia da gravidez da mulher, e na outra, a “família foi exposta ao ridículo, ao escárnio público”.

“Decidimos falar abertamente a respeito do que aconteceu porque, apesar da dor, não temos nada a esconder [e nem teríamos como]”, escreveu. No longo texto publicado em seu Instagram oficial, Cunha Lima afirmou que não pode ser responsabilizado pelas atitudes de familiares. “Muito menos de um sogro ou sogra.”

O político disse ainda que não se surpreendeu, mas se entristeceu com os ataques que ele e a mulher vêm sofrendo desde a divulgação do vídeo. Afirmou ainda que a mulher não convive com a mãe há mais de dez anos.

“Vi minha esposa com seis semanas de gravidez chorar duplamente -chorar por não ter a convivência com a mãe há mais de dez anos e chorar por ver a mãe em uma situação tão delicada”, escreveu.

“Vi o quanto a nossa geração está ‘perdida’, o quanto o amor das pessoas esfriou, afinal, em vez de estender a mão para ajudar, essas mesmas mãos trabalharam para apedrejar quem já havia caído”, disse.

Folhapress

Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.