Mulher dada como morta acorda pouco antes de ser cremada

 

Uma mulher, chamada Shakuntala Gaikwad, de 78 anos, foi declarada morta por complicações da Covid-19, mas acordou pouco antes de ser cremada. O caso aconteceu na Índia.

A indiana abriu os olhos e começou a chorar. As informações são do Daily Star.

Shakuntala vive na cidade de Baramati, em Mudhale. Ela testou positivo para o novo coronavírus na última semana e teve que procurar um hospital após seu estado de saúde piorar.

A idosa esperava por um leito quando ficou inconsciente, em uma ambulância. Foi então que os paramédicos a consideraram morta.

A mulher tinha levada de volta à sua aldeia para a cremação quando acordou. Ela foi encaminhada para o Hospital Silver Jubilee, onde segue internada.

Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.