Padre é morto a facadas dentro de confessionário em igreja

 

Um sacerdote dominicano vietnamita, padre Joseph Tran Ngoc Thanh, foi morto enquanto escutava a confissão e celebrava o Sacramento da Reconciliação na Diocese de Kon Tum, no Vietnã. Ele tinha 41 anos.

A agressão ocorreu no sábado, 29 de janeiro, pouco antes da celebração da missa vespertina. O padre Joseph Tran Ngoc Thanh estava no confessionário quando foi esfaqueado por um homem mentalmente instável. Outro religioso dominicano que correu para o local foi ferido com uma facada ao tentar deter o agressor. As pessoas presentes na igreja, que testemunharam o ataque, ficaram em estado de choque. O padre Tran, ferido, recebeu os primeiros socorros, mas não conseguiu se recuperar e morreu às 23h30 (hora local) do mesmo dia, segundo informou à Agência Fides, The Tran um jornalista católico local.

A polícia local prendeu o agressor, considerado uma pessoa “com doença mental”. A comunidade local ficou profundamente chocada com a morte inesperada do sacerdote, num momento em que se preparava para celebrar o Ano Novo Lunar, que o Vietnã comemora em 1º de fevereiro. Mensagens de luto e dor foram expressas pela Província Dominicana do Vietnã e pela comunidade da paróquia de Dak Mót, a 40 km ao norte de Kon Tum, onde o sacerdote viveu e trabalhou. O religioso tinha assumido recentemente o cargo de encarregado da pastoral de um “pequeno rebanho” de católicos.

Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.