PM CAPTURA PRESO DE JUSTIÇA QUE TENTOU MATAR CASAL A TIROS EM MOSSORÓ COM TORNOZELEIRA ROMPIDA


Policiais Militares da Radio Patrulha do 12º Batalhão sob o comando do 3º Sargento P. Silva com apoio dos Soldados Michel e Rocha, realizavam patrulhamento na área das Malninas, nesta terça-feira, 07 de junho de 2022, quando se depararam com um individuo em atitude suspeita, que ao perceber a aproximação da VTR adentrou numa residência.

Os militares, desembarcaram da viatura, solicitaram ao proprietário do imóvel autorização para entrar, e no local encontraram o suspeito dentro do quarto.

Diante da situação deram voz de prisão a Jackson Fernando da Silva, conhecido como "Barrão".

Foi constatado que o mesmo era foragido da justiça, pois se encontrava em liberdade condicional monitorado por tornozeleira eletrônica, mais teria rompido o equipamento, quebrando as regras do monitoramento do sistema prisional.
O foragido foi apresentado na 38º Delegacia de Policia Civil de Mossoró para os procedimentos cabíveis e legais na forma da lei, antes de ser reconduzido ao sistema prisional, onde permanecerá a disposição do judiciário.
No dia 23 de outubro de 2015, "Barrão" considerado perigoso e que aterrorizava moradores nas Malvinas, foi preso com uma arma caseira de grosso calibre.(RELEMBRE)

No dia 20 de março de 2018, "Barrão" foi julgado condenado a 12 anos de prisão por tentar matar a tiros um casal no Dom Jaime Câmara em Mossoró. (RELEMBRE)

Passando na hora  

Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.