Grupo chinês compra 23,7% da Azul por R$ 1,7 bi

Avião da Azul Foto: Paulo Fridman / Bloomberg News
SÃO PAULO - A Azul linhas aéreas anunciou nesta terça-feira um acordo com o conglomerado chinês HNA Group para a venda de uma fatia de 23,7% da companhia por R$ 1,7 bilhão. A transação dá direito aos chineses a um assento no conselho de administração.
- O investimento de R$ 1,7 bilhão de uma empresa estrangeira num momento tão sensível da nossa economia, avaliando nossa empresa em R$ 7 bilhões, mais que a Alpargatas - a Camargo Côrrea vendeu a empresa nesta segunda para a J&F por R$ 2,66 bilhões - mostra a confiança em nosso modelo de negócio e na equipe da Azul - disse ao GLOBO o presidente da Azul, Antonoaldo Neves.
Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.