Prefeito Allyson inicia a semana com protesto de pais de alunos na sede da Prefeitura

 

A semana do prefeito Allyson Bezerra (Solidariedade) inicia com protesto na porta da Prefeitura de Mossoró. Pais e alunos estão indignados com a mudança na direção da Escola Municipal Celina Guimarães Viana e exigem que o prefeito mantenha os gestores.

Com faixas e cartazes, os manifestantes ocuparam a calçada do Palácio da Resistência na manhã desta segunda-feira (11). Eles pedem o retorno do diretor Alisson Melo, que foi exonerado pelo prefeito.

Uma das faixas diz: “A comunidade quer que o desenvolvimento da escola continue: Alisson Melo diretor”.

A Escola Municipal Celina Guimarães Viana é localizada no bairro Barrocas, zona norte de Mossoró. Trata-se de uma das comunidades mais carentes da cidade, onde as famílias dependem do serviço público, principalmente em áreas vitais como educação e saúde.

Alisson Melo é bastante identificado com a comunidade, a partir do trabalho que vinha desempenhado na direção da Escola Celina Guimarães.

Com a mudança de gestão, o prefeito Allyson Bezerra decidiu mudar todos os diretores de escolas e de unidades de saúde, independentemente do trabalho que eles vinham realizando. Houve revolta em vários bairros, como no Alto do Sumaré que protestou contra a saída da diretora da UBS “Vereador Lahyre Rosado”, Valnúbia Maria (veja com vídeo AQUI).

Allyson Bezerra não vai recuar. Ele precisa dos cargos para acomodações políticas, inclusive, dos vereadores que irão compor a sua base de sustentação na Câmara Municipal.

DEMOCRATIZAÇÃO

A vereadora Marleide Cunha (PT), em entrevista ao "Cafezinho com César Santos" neste domingo (10), defendeu a democratização da gestão escolar, como a única alternativa para melhorar os índices de qualidade do ensino público municipal. "Não se pode fazer educação com os diretores sendo ainda cargos políticos", criticou (veja a entrevista AQUI).

Um projeto de lei, que implanta a gestão democrata nas escolas municipais de Mossoró, foi encaminhado à Câmara em dezembro de 2020l, pela então prefeita Rosalba Ciarlini (Progressistas), mas os vereadores decidiram "engavetar" a proposta.

Na campanha eleitoral, Allyson Bezerra prometeu gestão democráticas nas escolas, inclusive com eleição direta para diretor e vice. Espera-se que ele cumpra orientando a sua bancada, que será maioria na Câmara, a votar o projeto que está na Casa.

NOTA

O Palácio da Resistência, por meio da Secretaria de Comunicação Social, se manifestou sobre os protestos dos pais de alunos da Escola Celina Guimarães. Leia a nota na íntegra:

"A Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria de Comunicação, afirmou que a manifestação dos pais é legítima e que respeita o direito da comunidade de se expressar, ao mesmo tempo que destacou ser natural em um novo governo haver mudanças em cargos de confiança, e que é preciso entender que um novo ciclo se inicia. O Município ainda relatou que dará à Escola Celina Guimarães Viana uma condução que efetivamente atenda aos anseios da comunidade e que até melhore o serviço que vinha sendo ofertado na unidade de ensino."

Jornal De Fato

Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.