Com três candidaturas expostas, Porto do Mangue se prepara para escolher o nome que sentará na cadeira do Palácio José Nazareno em 2021

 

O clima de eleição tomou conta por toda região e costa branca salineira, nesse contexto quero dá destaque as candidaturas de Porto do Mangue. Uma vez que a cidade conta com 3 chapas brigando pelo executivo municipal.

Iº Nome: prefeito Sael Melo

O prefeito que representa a força do MDB no interior potiguar compõe a chapa da coligação ‘A Força do Povo’ com o empresário Faustino (PROS).

Sael que está quase concluindo seu 1º mandato tem apresentado largas chances de permanecer no cargo, com uma base sólida, contando com 7 dos 9 atuais vereadores, na sua coligação 18 candidatos e a aprovação popular da sua gestão, Sael segue fortalecido, tem a sua reeleição nas mãos.

IIº Magnus Domingos

O candidato a prefeito Magnus Domingos (PL), chega a eleição contando algumas baixas em seu grupo de apoiadores e o clima de insegurança política na chapa tem sido algo recorrente durante a pré-campanha,

Esta oposição que faz frente ao prefeito Sael contava com o bispo Jenilson Maia (Solidariedade), mas logo que o ex-prefeito Titico (PP) entrou na disputa contra Sael Melo (MDB) o bispo caiu fora. Só que com as contas públicas reprovadas do ex-prefeito Titico,  o mesmo ficou inelegível, rapidamente indicou a sua esposa, Clarinha (PP) para assumir a candidatura lado de Magnus como vice, poucas semanas depois a ex-primeira dama retira sua candidatura e deixa o caminho livre pra Magnus que optou por ter ao seu lado como companheiro de chapa o ex-vereador Galego do Assentamento, se tornando uma chapa puro sangue. O PL conta com uma casta de  14 candidatos a vereador.

IIº Meyrelle Souza

A dupla Meyrelle Souza e Íris Marquês, candidatos a prefeita e vice, disputam pela primeira vez a um cargo majoritário na cidade de Porto do Mangue pelo partido Avante, Meyrelle descendente de famílias políticas (Andrades e Fernandes), neta do ex-vice prefeito Mauro Marcelino Andrade (in memória), é também sobrinha do atual vereador Jailson Fernandes que está disputando a reeleição na coligação opositora (PL de Magnus Domingos), Meyrelle divide a chapa com o conselheiro tutelar Íris Marquês, que é residente do Distrito do Logradouro, sobrinho da ex-vereadora e atual candidata Zuleide Soares, que disputa uma cadeira no legislativo pela coligação ‘A Força do Povo’ do prefeito Sael Melo (MDB).

Como vocês podem ver

Existem 3 frentes para que o eleitor escolha sua opção; a primeria chapa que representa a reeleição do prefeito Sael Melo, a segunda chapa representa o esforço de uma oposição que se fragmentou por falta de entendimento para uma união, a terceira representa a busca de retorno ao poder de várias linhagens familiares tradicionais da política portomanguense


Jacó Costa. Tecnologia do Blogger.